quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Santana do Cariri - CE - Romaria de menina Benigna movimenta a região do Cariri !

16/10/2014.





Quadro da menina Benigna Cardoso que, vítima de um estupro, se tornou um símbolo de religiosidade, suscitando um movimento para sua beatificação pelo Vaticano (Foto: Alex Costa/Diário do Nordeste)

Mais de 30 mil fiéis são esperados para a 11ª Romaria de Benigna, no próximo dia 24. Neste ano, a romaria traz como tema "Com Benigna testemunhemos uma igreja romeira e missionária", em alusão também às comemorações do centenário da Diocese do Crato, neste ano.


De acordo com um dos organizadores do evento, Ypsilon Félix, a programação oficial do novenário começa no dia 15, data de nascimento da menina Benigna. Durante os próximos dias, haverá intensa movimentação religiosa, com celebrações todas as noites. "Como providência divina, entre a data de seu nascimento e a data de sua morte há um intervalo de nove dias, justamente o tempo para celebração de novenas, então, neste ano, realizamos o novenário", comenta Ypsilon.


Segundo ele, como a programação é bem extensa, durante todos os dias haverá movimentação na cidade, com a participação de romeiros dos 33 municípios do Cariri e Centro Sul, pertencentes à Diocese do Crato.


Já se encontra aberto também para visitações, no Centro Pastoral Ana Feitosa, ao lado da Igreja Matriz de Nossa Senhora Santana, a exposição "Heroína da Castidade", com objetos, fotos e pertences da mártir.


No dia 24, data oficial da Romaria, que marca a morte de Benigna, várias ações acontecem durante todo o dia. Logo cedo, há a Romaria das Crianças. Momentos de oração, caminhadas e a missa solene ao final do dia, com a participação do bispo diocesano, Dom Fernando Panico. Foi lançada no último dia três, a Biografia Oficial sobre a Serva de Deus Benigna, no Seminário São José em Crato, com a presença dos autores: João Cabral, Sandro Cidrão, Ypsilon Félix, e o revisor da obra, Danilo Sobreira.


Biografia


Benigna Cardoso da Silva nasceu em 15 de outubro de 1928, na localidade de Sítio Oitis, Distrito de Inhumas a 2 km da sede de Santana do Cariri. Em 1941, aos 13 anos perdeu a vida de forma trágica. Benigna foi morta a golpes de facão por um homem que a assediou e tendo ela se recusado a entregar-se foi brutalmente assassinada. Pelo gesto a menina passou a ser considerada santa pela população local depois de sua morte, por considerarem o seu gesto de amor e coragem apesar da pouca idade. A fama de mártir espalhou-se e hoje Benigna já é devocionada por um grande número de pessoas, que costumam fazer-lhe pedidos e testemunham o alcance de graças.


Visitação


Na entrada da Vila, na localidade onde a jovem foi martirizada foi erguida uma capela dedicada a ela. No local existe um pote que ela carregava na hora do assassinato e está envolto a uma redoma de vidro, com esculturas que retratam o momento em que era morta. O local virou centro de visitação de fiéis, que passam por lá durante todo o ano para fazerem pedidos e agradecimentos por graças atribuídas a ela. Outro local visitado é o cruzeiro erguido no local de sua morte.


Há cerca de dois anos os restos mortais de Benigna Cardoso da Silva foram sepultados na Igreja Matriz de Santana do Cariri e desde então virou mais um local de visitação dos peregrinos. Benigna foi assassinada em 24 de outubro de 1941, no sitio Oiti e tornou-se uma Heroína da Castidade. Hoje, próxima de ser beatificada pela Igreja é considerada santa por muitos.


Beatificação


O processo pedindo a beatificação da menina Benigna foi aberto oficialmente em 16 março de 2013, tão logo a Diocese de Crato recebeu o "Nihil Obstat" da Sagrada Congregação para a Causa dos Santos, aprovando o início dos estudos.


Uma comissão nomeada pelo Bispo Dom Fernando Panico começou a recolher declarações das testemunhas que viveram à época, e depoimentos que relataram milagres e graças alcançadas por intercessão de Benigna. Essa fase Diocesana do processo foi encerrada em 21 de setembro de 2013.


Mais informações:

Programação da Romaria - Dia 24

14h - Concentração e acolhida

15h - Oração no Santuário

16h - Caminhada até a Matriz

17h - Solene Celebração Eucarística

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário