segunda-feira, 19 de maio de 2014

Santana do Cariri - Romaria do Jubileu da Juventude!!!


Menina Benigna

Jovens do Cariri louvam a "Mártir da Castidade"

19.05.2014

Como parte das comemorações pelo seu centenário, a Diocese do Crato realizou ontem o Jubileu da Juventude


Bispo da Diocese do Crato, dom Fernando Panico, presidiu a celebração que marcou a renovação da fé dos católicos em torno da beatificação de Benigna Cardoso. Juventude presente visitou o Memorial em homenagem à menina

Fotos: Roberto Crispim 

 

Santana do Cariri. Cerca de cinco mil pessoas participaram ontem, no distrito de Inhumas, localizado a cerca de 4 quilômetros da sede deste município, das comemorações em torno do Jubileu da Juventude, evento religioso inserido na programação dos festejos do centenário da Diocese de Crato, que contou com a presença de representantes das 55 paróquias que formam a diocese. A programação teve início por volta das 14h30 com show musical da banda Nova Órbita e com visitação dos fiéis ao memorial construído em louvor à menina Benigna Cardoso, popularmente conhecida como "Mártir da Castidade".

Do distrito de Inhumas, os fiéis saíram em procissão até a Igreja Matriz de Senhora Santana, na sede do município, onde houve celebração presidida pelo bispo diocesano, Dom Fernando Panico, auxiliado por padres e religiosos de outras paróquias, também presentes à festa do Jubileu da Juventude.

A realização das comemorações em Santana do Cariri, conforme os religiosos, marcaram a renovação da fé dos católicos em torno da beatificação da jovem Benigna, cujo o processo está sendo analisado por um tribunal escolhido pela Congregação para a Causa dos Santos, no Vaticano. "A festa do Jubilei da Juventude, além de fazer parte das comemorações do centenário da Diocese, é também um momento de profunda reflexão realizada por nossos jovens. O ensinamento deixado pela menina Benigna Cardoso, que preferiu morrer do que sucumbir ao pecado. Hoje, para toda a nossa Diocese, o exemplo de Benigna fala alto. É o exemplo de quem quer ser discípulo missionário de Cristo, com todo o entusiasmo e até as últimas consequências", avaliou o bispo diocesano.

Dom Fernando destacou que, embora ainda não haja possibilidade de prever quando o Vaticano anunciará o resultado em torno da análise dos documentos encaminhados pela Diocese, em setembro do ano passado, durante a primeira fase do processo de beatificação, as possibilidades em torno do acatamento ao pedido ampliam a esperança dos milhares de fiéis e simpatizantes da "Mártir da Castidade".

Ele lembrou que, no fim do ano passado, participou de audiência particular com o papa Francisco. Na ocasião, conversou com o ele sobre o processo de beatificação de Benigna Cardoso, bem como sobre a possibilidade da reabilitação canônica do Padre Cícero Romão Batista. "São dois temas muito aguardados pelos fiéis de toda a nossa região. No caso da menina Benigna, o processo de beatificação se encontra em Roma e o andamento deste processo nos faz esperar que, provavelmente, não demore muito para que haja uma resposta por parte da Santa Sé. A nossa esperança é que o quanto antes, senão neste ano, no próximo, tenhamos esta alegria. Deus é quem vai determina o tempo certo das coisas", frisou.

O bispo avaliou como "importantíssima" a participação dos milhares de jovens que ontem atenderam ao chamado da Igreja, se deslocando de seus municípios de origem à Santana do Cariri, para contribuírem, de forma decisiva, com o sucesso do Jubileu da Juventude.

Conforme dom Fernando, a presença do público juvenil garante que os trabalhos desenvolvidos pelas paróquias da Diocese de Crato tenham ressoado positivamente, ocasionando, desta forma, a participação de um novo conjunto de fiéis, inseridos neste nicho da sociedade. "Os jovens se fazem abertos e sensíveis aos chamados de Deus".

Roberto Crispim
Colaborador

ENQUETE

Por que festejar Benigna durante o Jubileu?

"Por que é preciso conhecer mais a fundo a história desta menina que foi assassinada por defender sua virgindade e que acabou se transformando numa referência. O amor demonstrado por ela aos ensinamentos de Deus foi tão forte e profundo, que nos causa respeito e admiração"

Yasmim Brenda da Silva
Estudante

"Benigna significa muito para todos nós, jovens, que participamos de Pastorais na Diocese. Há muitos relatos de doenças curadas a partir da fé na menina. O ato que resultou em sua morte chama muito a atenção. Trocar a vida pela castidade hoje em dia poucas pessoas teriam a coragem "

Licaon Rocha
Estudante

Nenhum comentário:

Postar um comentário